terça-feira, 31 de julho de 2012

Tempo

Acredito no tempo,
estrada para a eternidade.
Infinitas trilhas.
Várias escalas.
Céu, matas, cascatas...
Somos todos andarilhos ao sabor do vento,
invadindo o vazio, transcendendo mapas.
Cecília Fidelli


segunda-feira, 30 de julho de 2012

Momentos

Infinito
Salete Marini

Como é engraçada
essa vida. 
Às vezes temos
a impressão
de que vivemos
uma eternidade
em apenas
algumas horas.
Outras vezes
achamos
que a eternidade
demora uma
vida inteira.












domingo, 29 de julho de 2012

Sem título

De que são feitos os dias?
De pequenos desejos,
vagarosas saudades,
silenciosas lembranças.
Entre mágoas sombrias,
momentâneos lampejos:
vagas felicidades,
inatuais esperanças.
De loucuras, de crime,
de pecados, de glórias,
do medo que encadeia todas essas mudanças.
Dentro deles vivemos,
dentro deles choramos,
em duros desenlaces e em sinistras alianças.

Cecília Meireles, in Canções




sábado, 28 de julho de 2012

Dia de sol

"... E de novo acredito que nada do que é importante se perde verdadeiramente. Apenas nos iludimos, julgando ser donos das coisas, dos instantes e dos outros. Comigo caminham todos os mortos que amei, todos os amigos que se afastaram, todos os dias felizes que se apagaram.Não perdi nada, apenas a ilusão de que tudo podia ser meu para sempre."
Miguel Sousa Tavares
Escritor português













sexta-feira, 27 de julho de 2012

Memórias

É quase um vôo,
a harmonia da música
que trauteamos em surdina,
por aí, sem nenhum destino,
de corpo iluminado,
no rasto de memórias
que só o coração guarda.
Impacientes. Tão impacientes.
Graça Pires - Conjugar afectos, 1997






quinta-feira, 26 de julho de 2012

terça-feira, 24 de julho de 2012

Fotografias

A vida é assim.
Um dia semente,
outro margarida.
Um dia em primavera,
outro em campo
esquecida.
Cecilia Fidelli
























Felicidade.
Acredito.
Descrevo.
Espero ou invento.
Cecilia Fidelli